Bem vindo!

Bem vindo!Esta página está sendo criada para retransmitir as muitas informações que ao longo de anos de pesquisas coletei nesta Mesorregião Campo da Vertentes, do centro-sul mineiro, sobretudo na Microrregião de São João del-Rei, minha terra natal, um polo cultural. A cultura popular será o guia deste blog, que não tem finalidades político-partidárias nem lucrativas. Eventualmente temas da história, ecologia e ferrovias serão abordados. Espero que seu conteúdo possa ser útil como documentário das tradições a quantos queiram beber desta fonte e sirva de homenagem e reconhecimento aos nossos mestres do saber, que com grande esforço conservam seus grupos folclóricos, parte significativa de nosso patrimônio imaterial. No rodapé da página inseri link's muito importantes cuja leitura recomendo como essencial: a SALVAGUARDA DO FOLCLORE (da Unesco) e a CARTA DO FOLCLORE BRASILEIRO (da Comissão Nacional de Folclore). Este dois documentos são relevantes orientadores da folclorística. O material de textos, fotos e áudio-visuais que compõe este blog pertencem ao meu acervo, salvo indicação contrária. Ao utilizá-lo para pesquisas, favor respeitar as fontes autorais.


ULISSES PASSARELLI




sexta-feira, 22 de julho de 2016

Terceiro Encontro de Congados de Tiradentes

No último domingo, dia 17 de julho de 2016, a cidade de Tiradentes/MG vivenciou em seu centro histórico intensa e alegre manifestação de regozijo pelo rosário de Maria. Congadeiros do terno do "Prego" (alcunha do Capitão de Congado Claudinei Matias do Nascimento), da própria cidade _ Bairro Capote _ recepcionaram pelo terceiro ano consecutivo as guardas visitantes vindas de Senhora de Oliveira, São João del-Rei, Barroso, Resende Costa, Ibituruna e Dores de Campos. 

Os dançantes se reuniram no Largo das Forras onde após receberem o café da manhã, dançaram e cantaram ao som de seus instrumentos, tudo de forma devocional, para deleite dos turistas que em derredor acompanhavam com grande interesse, registrando tudo em fotografias, filmagens e self's. Como é de costume nestas festas chama muito à atenção o colorido e a musicalidade, muito peculiar de cada estilo congadeiro. 

Formaram um cortejo rumo à Igreja de Nossa Senhora do Rosário, que esteve aberta aos ternos. Cada qual adentrou em visita e por fim, na retaguarda, trouxeram a imagem de Nossa Senhora do Rosário numa charola, momento de grande importância para o congadeiro. Rua abaixo, seguiram para as Mercês, a bela igreja rococó que os recepcionou para uma bênção. O pároco, com respeito e entusiasmo, acolheu e abençoou a todos. Quando o congadeiro encontra na Igreja apoio e compreensão, se sente feliz em plenitude, tranquilo com o cumprimento de sua missão, estimulado a continuar. 

Seguiram para o almoço, em nova travessia pelo centro. No pátio da escola, após o almoço e a confraternização de costume, cada guarda cantou em tempo livre sua manifestação de gratidão ao convite e ao alimento oferecido. E receberam uma lembrança da festa, pequeno banner com estampa de Nossa Senhora do Rosário, da Escrava Anastácia e da Igreja de São Benedito. Algumas guardas se despediram. 

Por fim, as guardas que permaneceram voltaram à Igreja de Nossa Senhora das Mercês em cujo adro , gramado e aprazível, contíguo ao cemitério, estavam fincados os mastros. Cada uma desceu um mastro em ritual próprio, já no cair da noite e assim, ao pipocar de alguns fogos de artifício isolados, despediam-se congadeiros de mais uma missão cumprida.

Aspecto do quadro do mastro da Escrava Anastácia. 

Visão geral dos mastros no adro-cemitério de Nossa Senhora das Mercês:
da esquerda para a direita: Escrava Anastácia, Santa Efigênia, São Benedito,
Nossa Senhora das Mercês e Nossa Senhora do Rosário. 

Aspecto da descida do mastro de São Benedito, pela guarda de Barroso. 



Entrega do quadro do mastro descido ao festeiro. 
Senhora Rainha e Senhor Rei da guarda de Senhora de Oliveira. 

Congado de Barroso em cortejo. 

Marujos de Dores de Campos. 

Moçambique de Ibituruna. 

Jovens congadeiros (as) de Resende Costa .

Coreografia do terno de Senhora de Oliveira. 

Moçambique Santa Efigênia, de São João del-Rei.
Capitão Tadeu, de Matosinhos, São João del-Rei.    


O congado anfitrião, do Capitão "Prego". 

A imagem de Nossa Senhora do Rosário fecha o cortejo. 
Notas e Créditos

* Texto e acervo: Ulisses Passarelli
** Fotografias: Iago C.S. Passarelli
*** Veja neste blog como foi esse evento no ano anterior clicando no link abaixo:

SEGUNDO ENCONTRO DE CONGADOS DE TIRADENTES

Nenhum comentário:

Postar um comentário