Bem vindo!

Bem vindo!Esta página está sendo criada para retransmitir as muitas informações que ao longo de anos de pesquisas coletei nesta Mesorregião Campo da Vertentes, do centro-sul mineiro, sobretudo na Microrregião de São João del-Rei, minha terra natal, um polo cultural. A cultura popular será o guia deste blog, que não tem finalidades político-partidárias nem lucrativas. Eventualmente temas da história, ecologia e ferrovias serão abordados. Espero que seu conteúdo possa ser útil como documentário das tradições a quantos queiram beber desta fonte e sirva de homenagem e reconhecimento aos nossos mestres do saber, que com grande esforço conservam seus grupos folclóricos, parte significativa de nosso patrimônio imaterial. No rodapé da página inseri link's muito importantes cuja leitura recomendo como essencial: a SALVAGUARDA DO FOLCLORE (da Unesco) e a CARTA DO FOLCLORE BRASILEIRO (da Comissão Nacional de Folclore). Este dois documentos são relevantes orientadores da folclorística. O material de textos, fotos e áudio-visuais que compõe este blog pertencem ao meu acervo, salvo indicação contrária. Ao utilizá-lo para pesquisas, favor respeitar as fontes autorais.


ULISSES PASSARELLI




sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Velhas notícias distritais - parte 1

Os distritos em geral ficam à margem dos estudos. Isolados do núcleo urbano, de ordinário sua rica história e cultura passa despercebida da maioria. Fazem pelo menos duas décadas que venho divulgando os valores das pequenas vilas, dos recônditos povoados. E sua riqueza não acaba nunca. Sempre tem mais para trazer à lume. 

Certa feita escrevi a Pequena Cronologia Distrital. A presente postagem longe de atingir aquele volume anda porém nos mesmos trilhos, ou, pelo menos, tem a mesma intensão. Assim, humildemente, à guisa de mera listagem de notícias, pretende facilitar futuras pesquisas mais engajadas pela facilidade da reunião de informes. 

Os distritos abordados pertencem ao município de São João del-Rei. As informações referem-se ao período de 1900-1905. A fonte de pesquisa é o site da extraordinária Biblioteca Municipal Baptista Caetano d'Almeida, desta cidade, através dos antigos jornais editados nas tipografias são-joanenses. 

Vista parcial de São Gonçalo do Amarante, em 07/10/2011.

- A Câmara Municipal suprime o distrito de São Gonçalo do Brumado, anexando-o ao distrito da sede. Com isto, os recursos para o lugar foram reduzidos à metade. O ato gerou muitas discussões políticas. (O Combate, n.30, 05/12/1900).

- No Rio das Mortes acontece a festa de Santana e São Benedito, com celebrações e música. Pregação por conta do Monsenhor Gustavo Ernesto Coelho, focando sobre a mãe de Maria. O distrito estava em luto pelo assassinato ali ocorrido de Bernardino Pereira Leite, que motivou a presença de uma cruz chantada na via pública. Na ocasião do festejo, o conselho distrital reuniu-se e nomeou secretário o sr. Ernesto Mathias (O Combate, n.85, 07/08/1901).

- A Câmara Municipal reconhece os poderes das autoridades eletivas representantes do então recém-criado distrito de São Sebastião da Victoria. Nessa circunstância tomou posse e prestou juramento o vereador especial Capitão Manoel de Sousa Guerra Junior (O Combate, n.92, 21/08/1901).

- Nomeação para São Sebastião da Vitória do Sr. Salathiel Ribeiro de Paiva para o cargo de subdelegado. Foram suplentes em ordem decrescente: Isidoro Ribeiro de Carvalho, José Bueno da Silva, João Batista de Carvalho (O Combate, n.101, 14/09/1901).

- O Vigário Padre Francisco de Sales Torga abre subscrição para compra de aparelhagem de iluminação para a matriz do Cajuru, à base de gás acetileno (O Combate, n.122, 09/11/1901).

- Posto em hasta pública sob um orçamento de 6:899$200 os serviços de abastecimento de água potável do Cajuru (O Combate, n.122, 09/11/1901).

- Os srs. Eduardo Lopes, Delphino Candido do Carmo e Herculano Cezar de Carvalho foram nomeados respectivamente 1º, 2º e 3º suplentes do subdelegado do Rio das Mortes (O Combate, n.126, 23/11/1901)

- O conselho distrital do Cajuru aprovou uma “moção de apoio e solidariedade a politica do nosso chefe e amo. Dr. J .D. Leite de Castro, digno agente do executivo municipal” (O Combate, n.127, 27/11/1901)

- Morre Sebastião Baptista em trágica armadilha em São Miguel do Cajuru: o sr. Francisco José de Ávila, tendo prejuízos por invasão de ladrões em sua residência, colocou uma armadilha na queijeira, feita com uma espingarda, cujo gatilho se prendia a um cordão esticado até o jirau. Quando a vítima invadiu o espaço, esbarrou na armadilha e foi alvejada no peito. Pulou a janela em fuga, mas, gravemente ferido e ensanguentado, pereceu o invasor dentro do curral ao lado. (O Combate, n.149, 12/02/1902)

- “Mais uma fábrica de manteiga abre-se, por estes dias, na Victoria, de propriedade do sr. Antonio Baptista do Nascimento Junior.” (O Repórter, n.12, 09/04/1905).

- Autorizado pela Câmara Municipal, através da resolução nº314, de 22/02/1905, assinada pelo Diretor Dr. João Salustiano M. Mourão a construção em hasta pública de uma ponte na estrada de São João del-Rei a São Francisco do Onça (atual Emboabas), sobre o Córrego do Peixe no valor de até 400$000. A mesma resolução autoriza despesa de 60$000/ano para contratar limpeza da caixa d’água e tubulação do mesmo distrito, por duas vezes ao mês na seca e quatro no tempo chuvoso. A determinação é que a despesa saísse do próprio imposto arrecadado naquele distrito. O presidente da câmara era o Capitão Antônio Gonçalvez Coelho (O Repórter, n.12, 09/04/1905).

- Resolução nº325 da Câmara Municipal, de 16/06/1905, concede pena d’água perpétua e gratuita ao cidadão Tenente José Affonso do Nascimento, no Onça (O Repórter, n.26, 09/07/1905).

- A Câmara providencia reparos na ponte distrital sobre o Rio das Mortes Pequeno na vila homônima (O Repórter, n.26, 09/07/1905).

- Lei municipal nº130, de 03/04/1905, no seu artigo 1º, extingue o imposto predial sobre as construções rurais de São João del-Rei (O Repórter, n.25, 02/07/1905).

- Resolução nº320 da Câmara Municipal, de 03/04/1905, autoriza obras para conserto e reparo na estrada de São Gonçalo do Brumado (O Repórter, n.25, 02/07/1905).

Igreja de Nossa Senhora das Vitórias, do século XIX.
São Sebastião da Vitória (São João del-Rei/MG), agosto/1999.

Notas e Créditos

* Texto e fotos: Ulisses Passarelli: 
** Obs.: São Gonçalo do Brumado, depois Caburu, atual São Gonçalo do Amarante; Onça (ou São Francisco do Onça), atual Emboabas; Rio das Mortes, atual Santo Antônio do Rio das Mortes Pequeno. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário